20070702

A verdade sobre as empresas da administração pública

PT paga ordenados a 9.000 funcionários que ficam em casa.

"A PT tem 9.000 trabalhadores em casa, em situação de pré-reforma ou suspensão de contrato, que custam à empresa cerca de 160 milhões de euros por ano.

Segundo o "público", este valor é equivalente a quase 40% dos custos com colaboradores. O operador histórico e detentor da rede de cobre de telecomunicações, a PTC, tem actualmente mais trabalhadores em casa do que no activo.

Os trabalhadores pré-reformados e com suspensão de contrato recebem entre 80 e 100% do salário, com actualizações anuais, beneficiando de regras definidas aquando da privatização e que também serviram, entre outros, a Miguel Horta e Costa, ex-presidente da PT e agora no Grupo Espírito Santo."
Notas: - Esta situação não é única nas empresas da Administração Pública. Passa-se o mesmo nos CTT.

- Ainda que cotada em bolsa, e com a maior parte do capital privatizado, esta não deixa de ser uma empresa da administração pública - o Estado mantém uma golden share, e participa no capital via CGD (Caixa Geral de Depósitos). O facto é que todas as administrações até hoje tiveram que ser (pelo menos) aprovadas pelo Governo (quando não definidas pelo Governo).

- Não faço qualquer juízo de valor quanto aos trabalhadores envolvidos. Simplesmente aceitaram o que não lhes deveria ter sido proposto (e que qualquer um de nós também aceitaria...).

- O encargo (160.000.000€) representa um encargo de 50€ / ano a cada família portuguesa... Não é uma "drenagem" específica ao norte - é uma "drenagem" a todos os portugueses.

2 comentários:

Suevo disse...

Todos sabemos que essas pseudo-empresas do estado portugues a seguir ao 25 de Abril contravam funcionarios apenas para diminuir a taxa de desemprego.

Anónimo disse...

ja começo a perceber melhor porque é que a tele2 com preços muito mais baratos em Portugal e no resto da europa e ainda por cima com melhores serviços (net mto mais rapida e sem limites na europa, excluindo Portugal) e ainda por cima pagando mais aos empregados (pois la fora ganham mto mais que ca), dizia eu ja percebo melhor porque é que a tele2 conseguia ser uma grande empresa espalhada por toda a europa, com preços baratos e serviços de alta qualidade e a PT que roubava e bem aos portugueses, com o ridiculo e unico na europa custo de assinatura da linha de 15 euros, e com os seus preços altos, nunca conseguiu passar de Portugal e meia duzia de paises de 3 mundo, onde nem é maioritaria mas minoritaria.
Assim claro que nao conseguem, mesmo a roubar aos portugueses, se metem o dinheiro onde nao devem, entao andam a roubar pa se sustentarem e nao pa engrandecer a empresa.
Face ao que roubaram durante anos e anos a PT tinha obrigaçao de ser a maior empresa da europa e talvez do mundo.

Leituras recomendadas