20070710

Era só o que faltava! II

Ainda a propósito da presunção provinciana do candidato-maoista-chique à autarquia do Concelho de Lisboa, ler uma opinião pertinente no marsalgado.

4 comentários:

Salem disse...

Muito bom o artigo!!!Mas se fosse só isso, e se não nos bombardeassem todos os dias no telejornal com as eleições de Lisboa....
Depois irrita-me o tipo de campanha que os partidos que não são do ps estão a fazer: o voto em Antonio Costa é dizer sim ao governo, vamos votar neste ou naquele para mostrar um amarelo ao governo"..Cada coisa a seu tempo,quem quiser dar um cartão amarelo ou vermelho ao governo faz isso em 2009, ou até mesmo nas europeias e não nas eleições municipais de uma cidade.
Eu não concordo com isso...Isto para não falar em ataques pessoais: " o Ant. Costa parece que já e lider da CM em convidar este e aquele".. E apresentarem propostas em vez de fazer ataques??

Atenção, eu não gosto do Antonio Costa, ma é triste ver que a camara da capital de Portugal que devia ser um exemplo, está metida na situação que está e está a ser alvo de uma campanha eleitoral tão ridicula...

Pedro Menezes Simoes disse...

Depois de todas as críticas e "autofagia" depois do debate do prós e contras sobre o porto, claramente o porto está desculpado. Em lisboa os debates são tão maus ou piores. A falta de estratégia e de visão é um problema nacional

sguna disse...

Sem dúvida Pedro. Nos últimos 25 anos, vivemos com estratégias válidas de 4 anos em 4 anos, a todos os niveis. Somos vítimas da mesquinhez das nossas próprias "elites". Acima de tudo faltam alternativas crediveis. Eu sei que é fácil criticar...

Anónimo disse...

então o que é esta nova "frente ribeirinha" senão uma ajudinha da nação à autarquia falida?

Leituras recomendadas