20070619

Representatividade

A pergunta subsiste; onde está Rui Rio? Parece que foi à Turquia assistir a uma corrida de aviões que pode vir a ser a "next big thing" do turismo portuense.

Quem é que liderou (e lidera porque o circo ainda não acabou) a luta contra o golpe da Ota? Quem é que fez ouvir a voz do Porto e do Norte? Quem é que deu a cara pelo Porto e pelo Norte?

Não foi Rui Rio! O presidente da câmara esteve calado e optou por seguir os acontecimentos como se a sua interferência e a mudança do rumo dos mesmos, não estivessem ao seu alcance!

E o PS Porto? Comportou-se de forma diferente? Meus amigos, entre a vilania e a vilania, não consigo escolher.

Assim, ficamos a perceber que votar e escolher os representantes portuenses, são processos que não têm como objectivo alcançar os pressupostos da representação democrática. Quanto muito, servem para continuarmos a farsa eleitoral que temos vivido nos últimos anos e legitimar os tiranetes partidários da vez!

Quem é que tem sido a voz do Porto? Rui Moreira e a Associação Comercial do Porto. Uma organização privada, à qual a população não conferiu mandatos de representação, mas que às suas próprias custas combate pelos interesses do Porto e do Norte.

Fica provado que;

1- O custo financeiro da política é elevado e sem reais contrapartidas de efectiva representação democrática.

2- Os privados podem fazer por preços mais baixos, todo o trabalho de representação política.

3- A democracia representativa sai a perder; os eleitos operam em lógicas de lealdades que suplantam o mandato conferido pelo voto.

4- O velho Porto comercial ainda mexe e sente os interesses das populações de forma mais intensa que os políticos pagos com os impostos gerais.

5- O lucro é a melhor garantia para a democracia se manter saudável. Os burocratas são a garantia de que a democracia se afunda no leito da incompetência.

6 comentários:

Jose Silva disse...

Júlio,

O que disse relativamente aos políticos do Porto, também se aplica por exemplo aos autarcas de Braga e AIMinho. Convém generalizar. A dimensão do problema fica maior !

Anónimo disse...

Júlio,

Indique-me as vantagens que a nova(?) estrutura aeroportuária terá ou virá a ter para o Porto e para o Norte.
O Sá Carneiro é um aeroporto que está classificado como um dos melhores, em termos de satisfação de serviços, da europa. Está a funcionar aquém da capacidade permitida. Por que é que nunca foi colocada esta evidência? Ter uma estrutura tão bem localizada e estar sub-aproveitada?
Ctos,
João Moreira

Anónimo disse...

Vantagens?!?

Pedro Menezes Simoes disse...

Caro João Moreira, já lhe respondi às questões do post:
http://norteamos.blogspot.com/2007/06/as-cidades-e-riqueza-das-naes.html

Anónimo disse...

Pedro Simões M.,

Já li, mas agora não escrevo duas frases direitas. Amanhã respondo.

J.M.

Anónimo disse...

Pedro Simões,

Está respondido.

Ctos,
João Moreira

Leituras recomendadas