20071011

Braga/Minho: A(s) Aposta(s) Certa(s)

Na minha óptica, o futuro da cidade/região deve passar pela aposta e investimento em dois sectores: o conhecimento e o turismo.

A produção de conhecimento, área em que a Universidade do Minho assume um papel fulcral, não pode deixar de se consubstanciar na oferta de serviços altamente especializados e no desenvolvimento de patentes capazes de garantir retorno para os investimentos feitos. O Instituto Ibérico de Nanotecnologias e o Instituto Ideia Atlântico servirão para reforçar esta vocação. A estratégia deve ser global e integrada, aproveitando todas as potencialidades da região. Viana do Castelo e Guimarães deverão ser chamadas a complementar a vocação de Braga enquanto cluster altamente especializado, fundamentando a criação de uma região do conhecimento.

O turismo pode ser outro sector de importante desenvolvimento estratégico da cidade de Braga. Se, por um lado, o conhecimento permite a realização de eventos que atraem pessoas, o valor natural, histórico, cultural e arquitectónico da região justificam a criação de uma marca turística de grande valor. Neste domínio, o envolvimento dos quadros altamente especializados que existem na Universidade do Minho é fundamental para gerar circuítos turísticos de grande qualidade e proceder à recuperação e divulgação do património.

Nesta linha, torna-se evidente que Braga precisa de um novo Centro de Congressos e Exposições. Se não fôr possível um novo edifício, que nasça um projecto renovado. O Parque de Exposições de Braga tem sabido realizar eventos capazes de mobilizar a cidade mas deveria reforçar a aposta na promoção de iniciativas globais capazes de alcançar públicos além-Minho e, sobretudo, além fronteiras.

Também no Avenida Central.

1 comentário:

Rui Carlos Gonçalves disse...

"Nesta linha, torna-se evidente que Braga precisa de um novo Centro de Congressos e Exposições."

De preferência, próximo da Universidade do Minho, de forma a tornar mais fácil a organização de eventos de "grande dimensão" por parte dos organismos ligados à Universidade.

Leituras recomendadas