20071019

SERÁ UM BOM SINAL ?

Afinal há um estudo que defende a manutenção do aeroporto da Portela e a construção apenas de uma infraestrutura complementar. É certo que o estudo é da CIP e desagradou ao Governo. O que é excelente sinal...

10 comentários:

koolricky disse...

So o melhor é arranjar o aeroporto da Portela ou se é fazer um novo aeroporto, sinceramente, não sei. O que sei é que para construir um aeroporto, que se gaste dinheiro numa coisa que vá beneficiar Lisboa e Portugal. Fazer um aeroporto na Ota poderá beneficiar Lisboa mas não bebficiará Portugal, pois o novo aeroporto entrará em rota de colisão com o Sá Carneiro. Para começar, deixarão de fazer sentido os vôos Porto Lisboa...

Pedro Menezes Simoes disse...

Nota: não fazem sentido os voos Porto Lisboa por várias razões:
1- Porque a TAP consegue ter pior serviço que um Alfa Pendular (mesmo ignorando a diferença de custo).
2- Porque o TGV, que está pronto antes do novo aeroporto, eliminará quase todo o tráfego aéreo entre estas cidades.

koolricky disse...

Concordo consigo Pedro:
No entanto os vôos Porto Lisboa (que muitos empresários não pensam noutra maneira de viajar entre as duas cidades) são só a ponta do icebergue. Creio que com a capacidade de atracção que Lisboa tem (por ser capital e por ser uma cidade com uma cotação extraordinária pelo menos na Europa) poderia desviar muitas possíveis ligações (e ligações existentes) para a Ota (para depois utilizar essa linha férrea para o Porto).
Eu já cometi a estupidez de viajar Lisboa-Porto de avião... E demorei mais tempo no cais de embarque do que teria demorado se tivesse tido a feliz ideia de seguir viagem com o Alfa...
E quanto ao TGV, vamos esperar para ver!

Pedro Menezes Simoes disse...

"muitos empresários não pensam noutra maneira de viajar entre as duas cidades"

o problema é que 2h30 é muito tempo. Ou uma pessoa se levanta de madrugada, ou só consegue ter reuniões no final da manhã. Alguém que tenha que ir e vir no mesmo dia são 5h de viagem. Ora isso é meio dia de trabalho.

koolricky disse...

Pedro, embora para o grosso dos passageiros seja mais rentável o uso do comboio há pelo menos alguns que não abdicam da ligação aérea (vide http://jn.sapo.pt/2006/10/08/
tema_de_domingo/ligacao_aerea_porto
lisboa_irrita_nor.html). Há mesmo quem concorde com a "minha" teoria (vide http://jn.sapo.pt/2006/10/08/tema_
de_domingo/aeroporto_ota_iria_liquidar
_a_ligaca.html).
E quem discorda das suas ideias de viabilidade é a RyanAir que parece estar interessada nessa ligação.
Eu continuo a preferir ir de comboio, até porque... é mais ecológico!

Pedro Menezes Simoes disse...

Eu concordo com a sua teoria de que a OTA mata a ligação Porto-Lisboa. Aliás, a OTA faz "canibalismo" interno, quando devia era canibalizar o aeroporto de Badajoz (e Madrid, porque não?).

O meu argumento das 5h ia de encontro às vantagens da ligação aérea.

Há aqui duas coisas contraditórias: por um lado, supõe-se que o TGV seja mais barato que o avião, e portante desvio o tráfego. É que se não desvia o tráfego aéreo, para que serve o TGV?

Por outro lado, é mais barato ir de Porto a Londres (ou Milão) de avião, do que fazê-lo de Alfa. E muito mais barato do que será de TGV.

Pedro Menezes Simoes disse...

"Para Pedro Silva, presidente da Associação Portuguesa de Planeadores do Território, não se coloca o problema do futuro aeroporto da Ota acabar com aquela ligação aérea entre Porto e a capital. Isto pelo fácil acesso de Lisboa àquela localidade, com uma ligação de auto-estrada em três faixas. "Admito que da Ota até ao centro de Lisboa demore quase tanto como da Portela ao centro da capital", explicou, ao JN, o responsável pela associação de planeadores do território."


Este comentário é de chorar a rir. O tipo não faz ideia de como é o trânsito em Lisboa. Na sexta feira estive quase uma hora no trânsito para apanhar a A1. Depois, não sabe onde fica a OTA. Quem vai de Lisboa até à OTA tem de passar obrigatoriamente pela Portela. E depois da Portela são mais 40 kilometros.

Este é o exemplo acabado do que é a desonestidade intelectual. Ninguém minimamente sério afirma que fazer 3 kms ou 43km demora o mesmo tempo. E isto vindo do presidente da Associação Portuguesa de Planeadores do Território só tem três significados: ou é inabilitado, ou incompetente, ou desonesto. Ou os 3 ao mesmo tempo.

Se fosse médico dizia que constipação e pneumonia era a mesma coisa.

Pedro Menezes Simoes disse...

Já agora, só pensando na diferença de custo: um taxi para a Portela custa 5-10€. Um taxi para a OTA custa 30-50€. É a mesma coisa?

Em condições óptimas, a partir da Portela uma pessoa faz Lisboa-Porto em 1h45 (incluindo deslocação até ao aeroporto de partida e do aeroporto de chegada até à cidade). A partir da OTA são 2h15. Em condições óptimas.

Tendo em conta transito (+30m) e os atrasos da TAP (+30m-60m), são pelo menos 3h15. Melhor ir de Alfa. Trabalha-se e dorme-se melhor no comboio.

koolricky disse...

Pedro, acho que no fundo temos a mesma opinião. A Ota não é solução para nenhum dos partidos, nem para Lisboa nem para o Norte. Se calhar será para quem tem os terrenos...
Quanto aos comentários de Pedro Silva não conheço Lisboa suficientemente para saber se tenho que passar pela Portela para ir para a Ota. No entanto, o meu ponto nesta pequena (e agradável) discussão era mesmo que a Ota só traz desvantagens...

Pedro Menezes Simoes disse...

"Quanto aos comentários de Pedro Silva não conheço Lisboa suficientemente para saber se tenho que passar pela Portela para ir para a Ota."

A Portela fica junto ao início da A1, que é a via que ligará lisboa à ota. É como ir de Braga à Póvoa do Varzim: tem de passar por Barcelos : )

Leituras recomendadas